m
ARTIGOS, EVENTOS & NOTÍCIAS

Academia Imoto

Quantos rounds tem uma luta de boxe?

Como é declarado o vencedor?

Quais as diferenças entre as regras do boxe profissional e do boxe olímpico?

Agora você irá entender o básico do boxe para acompanhar — e apreciar — os combates!

 

ANTES, UMA CURIOSIDADE

Boxe é o esporte mais difícil do mundo.

Uma pesquisa apresentada pela ESPN considerou 10 diferentes quesitos, entre eles:

  • Resistência
  • Força
  • Potência
  • Rapidez
  • Agilidade
  • Flexibilidade
  • Controle emocional (nervos)
  • Média de anos de atividade de um praticante
  • Coordenação motora
  • Capacidade analítica

Para cada um desses quesitos, foram atribuídas notas de 0 a 10, e no total uma média final que classificou 60 modalidades esportivas num ranking do mais difícil (nota mais alta) para o mais fácil (nota mais baixa).
Boxe foi o grande vencedor da pesquisa da ESPN, seguido pela ordem de Hóquei sobre o gelo, Futebol Americano e Basquetebol.

 

AS REGRAS

Ainda que seja controlado por diferentes entidades, o boxe tem regras padronizadas. O que caracteriza a luta é a permissão para acertar socos nos adversários somente da cintura para cima.

No boxe, os torneios são divididos por categorias limitadas por peso.
Nos Jogos Olímpicos, há dez categorias para homens e três para mulheres.

As categorias masculinas são:

  • Mosca-ligeiro (até 49kg)
  • Mosca (até 52kg)
  • Galo (até 56kg)
  • Leve (até 60kg)
  • Médio-ligeiro (até 64kg)
  • Meio-médio (até 69kg)
  • Médio (até 75kg)
  • Meio-pesado (até 81kg)
  • Pesado (até 91kg)
  • Superpesado (acima de 91kg)

E as categorias femininas são:

  • Mosca (até 51kg)
  • Leve (até 60kg)
  • Meio-pesado (até 81kg)

Entre as regras do boxe, há diferenças inclusive no vestuário utilizado nas principais lutas profissionais e no boxe olímpico. No boxe olímpico os lutadores vestem camiseta sem mangas enquanto no profissional somente bermuda. Ambos usam sapatilhas apropriadas para o ringue. O uso de capacetes de proteção, antes obrigatório somente no boxe olímpico, agora já não é mais necessário porque estudos demonstraram que seu uso pode aumentar as chances de concussão nos golpes absorvidos.

Até a Olimpíada de Londres, em 2012, atletas profissionais não poderiam participar do boxe nos Jogos Olímpicos. Para a Olimpíada do Rio de Janeiro, a Federação Internacional de Boxe (AIBA) aprovou uma mudança na regra que permitiu a participação de lutadores profissionais nos Jogos pela primeira vez.

 

COMO É DECLARADO O VENCEDOR

No boxe, a vitória de um boxeador pode ser declarada por nocaute, nocaute técnico ou por pontos.

Um boxeador recebe 10 pontos a cada round vencido, enquanto o perdedor ganha entre 6 e 9 pontos.

A pontuação leva em consideração os números de golpes que atingirem o adversário, domínio da luta, competitividade, superioridade técnica e tática, além de infrações à regra.

Em geral, os placares dos rounds devem considerar os seguintes cenários:

10 x 9: round equilibrado, com leve vantagem para um dos lutadores;
10 x 8: round com um vencedor claro;
10 x 7: domínio total de um dos lutadores;
10x 6: declarada a vitória de um dos lutadores.

Ao fim de uma luta, se não tiver acontecido um nocaute, são consideradas as pontuações dadas pelos juízes. O boxeador que for mais pontuado pela maioria dos juízes será o vencedor.

Em lutas profissionais, 3 juízes são responsáveis pela contagem de golpes. Já no boxe olímpico, são 5, sendo que, a partir da Olimpíada de Tóquio, a pontuação de todos eles será considerada.

Além do sistema de pontos, há outras formas de definir um vencedor no boxe:

Nocaute: quando o adversário cai no chão ou se apoia-se nas cordas, o árbitro conta até 10 e esse atleta não consegue se levantar até o término da contagem;
Provocar a queda do adversário: cair 2 a 3 vezes na lona no mesmo round (o número depende da competição);
Nocaute técnico: quando um dos pugilistas é golpeado muitas vezes em sequência, e o árbitro considera que ele não consegue suportá-los;
Quando um dos treinadores joga a toalha no ringue: significa a desistência do combate.

 

O QUE NÃO VALE

No boxe, os golpes só são considerados pontuáveis se forem acertados de frente ou na lateral da cabeça ou o abdômen do adversário. Golpes nos braços não são pontuáveis.

Soco na nuca, agarrar ou golpes abaixo da cintura são infrações. Quando acontecem, o árbitro dá uma advertência ao pugilista. Se voltar a repetir, o pugilista pode ser desqualificado.

O pugilista não pode desferir nenhum golpe no adversário enquanto ele estiver no chão.

Mordidas e cabeçadas também são motivo de advertência e potencial desqualificação.

 

DURAÇÃO DAS LUTAS

Muitos perguntam quantos rounds tem uma luta de boxe?

No boxe profissional, os organizadores podem definir quantos rounds haverá na luta marcada. Em geral, as lutas duram até 12 rounds de 3 minutos cada.

Diferentemente do boxe profissional, nos Jogos Olímpicos a duração das lutas é bem mais curta. A partir da Olimpíada de Tóquio, em 2020, tanto as lutas masculinas quanto femininas terão 3 rounds de 3 minutos.

 

VENHA APRENDER A TÉCNICA DO BOXE OLÍMPICO E ENTRAR EM BOA FORMA COM O PROF. IMOTO E SUA EQUIPE DE INSTRUTORES!

Aulas em grupo toda Segunda, Quarta e Sexta (18h30) e aos Sábados (12h).

Aulas particulares em dias e horários a agendar.

BOXE!

Envie um Comentário

Fechar

A Academia Imoto NÃO É uma franquia. Somos uma FAMÍLIA. Nossas principais modalidades e cursos são EXCLUSIVOS e orientados para turmas pequenas e aulas particulares com o objetivo de acelerar resultados com máxima economia de tempo e recursos aos nossos alunos e clientes.

Atendimento

Segunda à Sexta:
08:00 – 20:00

Sábado:
08:00 – 13:00

Siga-nos
Academia